Estrelas de Peruíbe

Tuas estrelas brilham mais que em outro canto
Pois lá do céu querem meus olhos encantar,
Refletem o amor que deposito nesta terra,
E têm a mão do nosso Pai à abençoar.

Sentar na areia para olhar os teus encantos
Sentindo a brisa que do mar vem me soprar,
Ouvindo o som das paias verdes dos coqueiros
Suavemente num tão doce balançar.

Pingos de prata espalhados no céu negro
Formam desenhos em minha imaginação,
Faço um pedido pra cadente que eu vejo
Descendo ao mar; não é pedido, é oração!

Oro que um dia bem velhinha e já cansada,
Eu tenha forças pra levar nos braços meus
Só um pouquinho deste brilho das estrelas
E ao céu chegando, entregar ao nosso Deus.

Gratidão!

Texto de autoria de Susana Martins para o Soul Peruíbe. "Professora aposentada da rede municipal do ensino de São Paulo. Herdei de minha mãe o gosto pela escrita e o amor por Peruíbe, cidade que conheci em 1967 aos meus sete anos de idade. Costumo chamá-la de "meu paraíso " pois é a descrição que chega mais próxima do que sinto por ela".

Comentários

Comentários

Deixe seu comentário