Medicina indígena- A cura que vem da natureza

Que a natureza é rica em plantas e ervas medicinais muitas pessoas já sabem, porém, o que muitos desconhecem são as formas de como utilizar estes recursos naturais para a cura de doenças.

A cultura indígena é rica em conhecimento sobre os poderes medicinais da natureza, não apenas sobre cada tipo de erva ou planta, mas também como aplicar, ingerir, ou utilizar para o tratamento, sempre adequado à cada tipo de enfermidade.

De acordo com a FUNAI, Fundação Nacional do Índio, muitas das plantas utilizadas pelos indígenas como medicamentos, apresentam de fato resultados surpreendentes e os conhecimentos técnicos, muitas vezes complexos, realmente podem trazer resultados positivos no tratamento de doenças.

Figura importante em tribos indígenas, os pajés ou os xamãs são considerados líderes espirituais, ou seja, intermediários entre os homens e os espíritos, muitas vezes responsáveis pelos poderes de cura.

Nós do Soul Peruíbe somos grandes fãs da cultura indígena e temos visitado várias aldeias da cidade, no objetivo de transmitirmos aos nossos leitores um pouco mais sobre toda esta sabedoria e cultura. Recentemente conhecemos o líder espiritual Pitotó (como ele é conhecido pela comunidade indígena) da Aldeia Tabaçu Reko Ypy. Ele nos deu uma verdadeira aula de como usar a sabedoria medicinal indígena.

Confira o vídeo com a explicação de Pitotó sobre cada uma das plantas e suas aplicações para a cura de enfermidades. Há 45 anos que ele trabalha com plantas medicinais, faz curas divinas espirituais e materiais.

Comentários

Comentários

Deixe seu comentário