Poema Soul Peruíbe

Soul Peruíbe, sou seu céu e sou seu mar;
Suas areias, suas ondas, sua paz;
Sou a criança construindo seus castelos
E enfeitando com as conchas que a maré traz.

Soul Peruíbe, sou seu povo hospitaleiro;
Sou suas ilhas, os seus morros, suas cores;
Eu sou a rima que inspira o poeta
A descrever em lindos versos seus amores.

Sou as estrelas que adornam o seu céu,
Sou os peixinhos que enfeitam o seu mar;
Eu sou a alma, sou o corpo, sou a luz
Pras suas noites de verão iluminar.

Soul Peruíbe e não me espanta que ao nascer
Já tenha vindo com ordens do Criador,
Para viver cuidando sempre de você
e declarando para o mundo o meu amor.

Poesia de autoria de Susana Martins para o Soul Peruíbe. "Professora aposentada da rede municipal do ensino de São Paulo. Herdei de minha mãe o gosto pela escrita e o amor por Peruíbe, cidade que conheci em 1967 aos meus sete anos de idade. Costumo chamá-la de "meu paraíso " pois é a descrição que chega mais próxima do que sinto por ela".

Comentários

Comentários

Deixe seu comentário